Pinot Noir estruturado, com boa concentração de fruta madura e notas de evolução. Solos compostos por uma combinação de dois terroirs, granítico e aluvial. A produção da parreira tem vigor muito controlado com a poda e as folhas são posicionadas para proteger os cachos da grande quantidade de raios solares. Não filtrado nem clarificado, o amadurecimento acontece em barricas de carvalho que foram produzidas com madeiras escolhidas a dedo pelo Stefano Gandolini.

Coloração rubi profundo, com aromas de cerejas negras em compota. A passagem por madeira deixa notas terrosas de borra de café, chá preto e baunilha. A evolução em garrafa traz taninos delicados e notas terrosas de balsâmico e fumo de corda. Em boca é seco, com boa acidez e de corpo médio.

Não espere por um Pinot Noir levinho, é um vinho que mostra a concentração de fruta proveniente do clima frio com boa textura em boca. A safra 2014 mostra uma linda evolução em garrafa com aromas terciários de fumo de corda e folhas secas.